segunda-feira, 1 de maio de 2017

Em Pedra Lavrada-PB, vereador Gilbran Porto rebate boato de ser contra transporte universitário

Imagem: Anderson Eliziário
O Vereador Gilbran Porto (PSDB), enviou nota contra os boatos que circulam nos grupos sociais alegando que ele seria contrário a proposta da obrigatoriedade do transporte universitário para os estudantes lavradenses. De acordo com o parlamentar, ele ficou indignado com as informações inverídicas sobre sua posição diante do assunto do transporte abordado na última sessão da casa Egídio Gomes Barreto.


Chegaram ao meu conhecimento algumas informações inverídicas que estão sendo publicitadas através de grupos nas redes sociais do nosso município e confesso que fiquei indignado com tamanha mentira e inverdade que vem sendo colocada a disposição da população lavradense. Gostaria de prestar alguns esclarecimentos.

Na ultima sessão ordinária, já no fim da sessão, fomos indagados pelo Vereador Gilson Ferreira se ele poderia fazer a propositura de um requerimento de forma oral solicitando a obrigatoriedade do transporte estudantil para os alunos universitários do nosso município que precisam ir para Campina Grande. Após receber a permissão da presidência da casa e dos demais pares, na mesma hora foi colocado em discussão o requerimento do Vereador.

Questionei o vereador argumentando que não poderíamos legislar sobre a matéria proposta por ela se tratar de matéria sobre a educação e que em meu entendimento não era competência da câmara de vereadores legislarem sobre matéria de educação. E que mais a frente, iriamos estudar o caso, e, em outra oportunidade, poderia ser apresentado outro requerimento. Imediatamente a assessoria jurídica da casa nos comunicou que a matéria proposta pelo Vereador Gilson poderia ser apreciada, por não se tratar exclusivamente de educação e sim de transporte. Imediatamente solicitei a palavra ao presidente e me retratei pedindo desculpas ao Vereador Gilson por ter me precipitado e ter ficado confuso com o assunto.     

O requerimento foi aprovado e fui favorável ao mesmo e ele seguira para o executivo fazer sua avaliação. A educação também é minha bandeira e foi um compromisso de campanha do prefeito Jarbas e devemos olhar com bons olhos nossos estudantes com um olhar realmente favorável a todos para que eles possam ter uma condição mínima para estudar, porque o transporte é uma condição mínima para que eles venham a Campina Grande estudar. Também tenho novos projetos que vão favorecer esses estudantes que passarei mais afrente ao conhecimento de todos através de requerimentos na câmara de vereadores. 

Com isso, esclareço que não fui contra o transporte universitário, mas preocupado com a legalidade da matéria apresentada em plenário”. Finalizou o Vereador Gilbran Porto.

Anderson Eliziário 


0 comentários: