quarta-feira, 9 de setembro de 2015

NOVA PALMEIRA PB: Paralisação mobiliza servidores públicos municipal e fecha escola

Escola Benita - Imagem: Alex Barros
Durante esta quarta-feira (09/09), na cidade de Nova Palmeira, no Seridó paraibano, algumas unidades de trabalho tiveram suas atividades canceladas ou funcionaram parcialmente, devido a paralisação dos servidores públicos municipal, reivindicando que seus salários sejam pagos dentro do mês trabalhado, onde nos últimos meses vem sendo descumprida pela gestão pública.


O Sindicato dos Servidores Públicos Municipais do Serdió e Curimataú da Paraíba, o Sinpuc, avaliou como positivo esse ato público realizado pelos servidores.

Mais uma vez, a paralisação é liderada pelos servidores da educação.

A EMEIF Benita dos Santos Cordeiro, teve seus portões fechados após o não comparecimento quase unânime dos servidores.  Já a Creche Municipal Luzia Mercês do Amaral, funcionou normalmente, deduzindo-se que os servidores estejam satisfeito com atual situação.

A EMEF Iran Coelho Dantas funcionou parcialmente. Os professores do ensino fundamental II paralisaram em sua maioria, comparecendo a unidade apenas dois professores que estão com contrato temporário. O professores do Ensino Fundamental I, não demonstrou solidariedade a sua categoria, nem tampouco, aos demais servidores que se encontram com seus salários atrasados, preferindo cumprir sua atividade do magistério.

ICD - Imagem: Alex Barros
Outros servidores de secretarias distintas demonstraram coragem e aderiram a esse exercício da cidadania, contribuindo com o movimento.

O Sinpuc espera que o movimento contribua para a solução definitiva em relação a folha de pagamento do município de Nova Palmeira.

Nova Palmeira Notícia

0 comentários: