quinta-feira, 4 de junho de 2015

Escândalo: Ex-primeira-dama da PB é acusada de tentar matar babá

Imagem: Reprodução/Resumo PB
Um BO (Boletim de Ocorrência) foi registrado na noite da última quarta-feira (03) contra a ex-primeira-dama da Paraíba, Pâmela Bório, sob acusação de agredir a socos e chutes a babá de seu filho e de ainda tentar matá-la com uma faca. O episódio ocorreu no apartamento de Pâmela, no Bairro de Cabo Branco, em João Pessoa, após depoimento a babá foi encaminha da para o exame de corpo de delito que comprovou as lesões.


A babá, Indaiá Moreira, teria dito em seu depoimento que o motivo da agressão seria porque a mesma contraiu uma virose e Pâmela descontroladamente entrou em seu quarto expulsando-a, alegando que a doença seria transmitida para ela e sue filho. Com a recusa da babá em deixar as dependências, a ex-primeira-dama teria arremessado o celular da moça pela janela, sendo impedido pela rede de proteção e aos gritos ainda partiu para agressão física, chutando e dando socos, como se não bastasse, Pâmela ainda teria pego uma faca dizendo que iria matá-la.

O episódio aconteceu por volta das 22h30 e segundo a babá, na presença do irmão de Pâmela, Cristian, que tentou contê-la e do seu filho que chorava e pedia para que a mãe não machucasse a moça.

Este não é o primeiro episódio de escândalo envolvendo a ex-primeira-dama do estado, no último dia 19 de maio, Pâmela Bório foi ouvida pela polícia sobre insinuações que fez acerca de suposta de ligação do servidor público Bruno Ernesto com o caso ‘Jampa Digital’. No depoimento, ela não soube dizer nada que provasse suas insinuações.


Política Mais Cedo

0 comentários: