sábado, 30 de maio de 2015

Brasil: Helicóptero com 4 pessoas desaparece minutos antes de pouso

Imagem: Reprodução/G1
Um helicóptero desapareceu no interior do Amazonas durante voo entre os municípios de Atalaia do Norte e Tabatinga, respectivamente a 1.130 e 1.108 km de Manaus, nesta sexta-feira (29). De acordo com informações da Defesa Civil de Atalaia do Norte, a aeronave desapareceu do espaço aéreo por volta das 18h30 (20h30 em Brasília).


Equipes do órgão recebem auxílio de mateiros nas buscas em áreas de floresta. As primeiras informações são que um piloto e três passageiros estão no helicóptero que presta serviços para a Sesai (Secretaria Especial de Saúde Indígena) e Casai (Casa de Saúde Indígena).

A namorada do piloto informou ao G1 que falou com ele por telefone e depois perdeu contato. “Ele me ligou e disse que pousaria em 10 minutos. A gente está na espera, continuamos sem notícias. Ele nunca havia se envolvido em algo assim”, disse a namorada, sem se identificar.

O Serviço Regional de Investigação e Prevenção de Acidente Aeronáuticos (Seripa-7) disse ter recebido o comunicado sobre o desaparecimento às 20h30 (22h30 em Brasília).
De acordo com o gerente de operações  da Defesa Civil, Donizete Cruz Matos, o helicóptero supostamente fazia o transporte de quatro pessoas.

"Estaria levando o piloto, enfermeira e dois pacientes. Possivelmente uma grávida entre os pacientes. Esse helicóptero faz o transporte para a Sesai e Casai", disse o gerente ao G1.

Matos relatou ainda que as buscas contam com a ajuda de moradores e mateiros. "Foi passada uma informação de que ele tinha caído no km 12 na estrada entre Benjamim Constant e Atalaia do Norte. As equipes de resgate foram ao local e não localizaram o helicóptero. Outro morador relatou pouso forçado. As equipes estão entrando com mateiros para tentar localizar esse helicóptero", conta.

Donizete confirmou a conversa entre o piloto e namorada dele minutos antes do pouso. "Por volta das 18h30 ele entrou em contato com a namorada falando que estava a 10 minutos do pouso e, depois que ele fez contato, sumiu da torre de controle do aeroporto", disse Donizete.

A Assessoria de Comunicação da Força Aérea Brasileira informou ao G1 que uma equipe do Seripa deve ser enviada ao município de Tabatinga na manhã deste sábado (30).

O G1 não conseguiu contato com a Casai e Sesai na manhã deste sábado. A Fundação Nacional do Índio (Funai) também não se pronunciou até a publicação desta reportagem.

Leandro Tapajós
G1 AM


0 comentários: